quarta-feira, 26 de outubro de 2011


No bruto estado de natureza...
Eu não seria uma flor ou uma gota de orvalho,
seria força torrente, maremoto ou redemoinho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário