terça-feira, 9 de agosto de 2016

OjO

turbilhão de caos
rodando amorfo
nas íris rasgadas
fendas abissais
sais fecundos
trincheiras d´água
lágrimas
absurdos


Nenhum comentário:

Postar um comentário