terça-feira, 14 de junho de 2016

Meus olhos fervem pressões
ajustam-se à distância
ultrapassam vertigens
desfocam-se para ver-te

Nenhum comentário:

Postar um comentário