segunda-feira, 21 de março de 2011

Café da manhã na Mata Atlântica



O cuscuz da Fernanda


Esse cuscuz merece um post por várias razões:

1º Não é qualquer cuscuz, é o cuscuz da Fernanda, minha graciosa irmã que finalmente demonstrou um talento notório na cozinha. Ela geralmente é muito boa em líquidos, sucos e afins, mas o cuscuz foi novidade.
2º É o famoso cuscuz baiano (nordestino), que eles consomem diariamente no café da manhã. Acompanha bem com a manteiga de garrafa, mas como não é usual em nossa região, servimos com a manteiga convencional mesmo.
3º É super nutritivo e uma ótima alternativa à farinha de trigo branca utilizada na maioria dos pães comercializados, sobretudo em lugares mais ermos.
3º Estávamos em Ubatumirim, no meio da mata Atlântica.

No mais segue a receita, é super fácil de fazer:
Você precisará de uma cuscuzeira, mas na falta dá para improvisar com um pano de prato limpo. Como foi o nosso caso.


Cuscuz nordestino:

Ingredientes:

- 200g de farinha de milho em flocos pré-cozida;
- 1 copo americano ( 150ml) de água;
- sal à gosto.

Modo de fazer:

Numa vasilha hidrate os flocos de milho com água, adicione sal e mexa bem.
Em seguida coloque a mistura em um cuscuzeiro, assim que a água ferver, desligue o fogo e deixe mais 3 minutos no vapor.
Na improvisação, você coloca sobre uma panela com água fervendo o prato com o cuscuz amarrado de cabeça para baixo. Aguarde os mesmos 3 minutos e pronto, só alegria.
Vale a pena tentar! Depois me contem como se saíram, e qualquer dúvida, estou à disposição.





Um comentário: