terça-feira, 6 de julho de 2010

Todos nós devemos desenvolver mecanismos para canalizar emoções muito intensas, por isso escrevo, esse é minha válvula de escape, meu refúgio mental.
Escrevo para aliviar minha tensão permanente.
Esses textos, essas palavras jogadas aleatoriamente, são como meus papiros contemporâneos.
Pistas da minha existência.....

Nenhum comentário:

Postar um comentário